close

filipe crespo

Opinião

Publicitário professor. Professor publicitário.

Publicitário professor. Professor publicitário. Uma coisa não fica em pé sem a outra… pra mim, pelo menos.
Sabe que tem muitos anos que divido meu tempo entre agência de publicidade (agora empreendendo) e salas de aula (tão importantes e gratificantes quanto). Difícil, jornada diária de 15, 16 horas.
A sala de aula é minha segunda casa. Exatamente isso.
Nos últimos meses, minha segunda casa aconteceu de dentro da minha primeira casa. Literalmente. Consequências de uma quarentena dura, talvez nunca vista antes. Algum tempo para adaptação, compreensão de todos os lados e tudo tem funcionado bem desde então.
Sabe… Agradeço à Deus pela oportunidade que me foi dada de ser professor. Só quem é, sabe o que significa isso. Poder compartilhar conteúdo é algo extremamente gratificante.
Não é nada fácil, é verdade.
Estudo demais pra levar sempre o melhor para os alunos.
Desde 2007 tenho essa atividade em minha rotina. De lá pra cá, não teve um dia sequer que eu tenha deixado de lecionar, corrigir ou pensar nas atividades acadêmicas. Todos os dias da semana, estou dentro de uma sala de aula por pelo menos quatro horas, acreditando levar conteúdo novo, relevante e aplicável à atividade publicitária. Faço isso com muito amor, comprometimento, satisfação.
Sempre me dei bem com meus alunos. Respeito recíproco sempre foi o primeiro valor acordado nas minhas salas de aula que entrei. Quem não gosta disso? Sempre deu certo. De forma espontânea, natural, tento me conectar aos alunos, com discurso leve, informal, verdadeiro e sempre exemplificado às suas realidades. Se não sei algo, a humildade bate em minha porta. Se não sei, digo que não sei, mas que irei buscar a resposta onde quer que ela esteja. Aliás, quem sabe tudo?!
Tem uma coisa que muita gente sabe, mas pouca gente fala: A vitória de um aluno é infinitamente mais prazeirosa do que a própria vitória. Acreditem! Luto por essas vitórias dos meus alunos, todo dia e peço ao Papai do Céu que ocorram cada vez em maior número. Só ontem, duas delas: uma aluna Fecap que entrou numa grande agência e um aluno Faap me falando de uma etapa de um processo seletivo. Eu vibro por eles, eu vibro com eles.
Ser professor não é fácil nesse país. Tenho consciência que tenho uma posição privilegiada dentro desse mercado. Tenho as melhores condições de trabalho e atuo em casas que oferecem o melhor aos docentes e discentes.
Obrigado Fecap. Obrigado FAAP. Obrigado Mackenzie. Obrigado PlugSchool.
Mas, registro aqui que admiro muito e bato palmas para milhares de professores e professoras por esse Brasil que possuem uma realidade diferente da minha. São profissionais da educação que sofrem diariamente com a falta de recursos, a inexistência de reconhecimento e de respeito e ainda assim, continuam lecionando diariamente com sorriso no rosto, torcendo para um futuro de sucesso aos seus alunos. Todos esses, na busca por uma melhor entrega de conteúdo, se desdobraram e reaprenderam muito nos últimos meses para fazerem das aulas virtuais, as mais proveitosas possíveis para seus alunos.
Lembro quase que sempre dos meus professores. Gente que me ajudou bastante. Difícil citar alguns sem esquecer outros, mas ainda sim, farei: obrigado Amadeu, Russell, Bucci, Edson, Guaíra, Davidson, Cida, Lelo, Mecca, Adão, Ângelo, Marcinha, Alberto, Paulo Roberto. Alguns desses citados me deram aula, outros me incentivaram e outros ainda me deram a primeira oportunidade.
Feliz Dia dos Professores aos meus colegas, aos meus professores da escola, da faculdade e da vida e também a todos os que lecionam pelo Brasil, independente da dificuldade ou da falta de reconhecimento que tenham.
Que orgulho de vocês!
#diadosprofessores
por Filipe Crespo
Leia Mais
Eventos

Filipe Crespo, da CreativosBR, volta à terra do “pé vermelho”

Filipe Crespo, fundador e mantenedor da CreativosBR, está se preparando para mais uma parada na Cidade Canção em 2019. No mês de junho, ele falou sobre Planejamento de Mídia Digital com mais de 30 profissionais da área de comunicação e marketing de Maringá, no Paraná.

Ele se prepara agora para voltar a cidade do “pé vermelho” para ministrar o curso de Planejamento de Marketing Digital, nos dias 31/08 e 01/09, em parceria com a Pier 16 – Cursos e Treinamentos. Temas como a importância do marketing de conteúdo, geração de leads, redes sociais proprietárias, entre outros, serão abordados em dois dias intensos de aula e trocas de experiência.

Se você é do norte paranaense, não perca essa oportunidade e vem com a gente!

Inscrições e mais informações no link.

Leia Mais
Digital

Blog do Crespo passa a integrar portfólio de blogs do Grupo A Tribuna


É com imensa alegria que o Blog do Crespo informa que a partir desta data, passa a fazer parte do portfólio de blogs do Grupo A Tribuna.

O anúncio oficial foi feito na tarde desta Terça-Feira pelo Portal do Grupo A Tribuna, o A Tribuna online.

Desta forma, o Blog do Crespo se junta aos outros vinte e seis blogueiros regulares do Grupo que tratam diariamente dos mais variados assuntos como: moda, direito, futebol, gastronomia e bem estar.

Do ponto de vista editorial e de acesso, nada muda aos já leitores do nosso espaço.

O Blog continua no mesmo lugar, com o mesmo link e principalmente com sua independência editorial.

Mantém ainda todas as suas plataformas de redes sociais, que aliás, devem crescer ainda mais.

Já aos novos leitores que agora conhecerão o Blog do Crespo por meio da A Tribuna, encontrarão um espaço destinado ao quente e dinâmico noticiário do mercado publicitário em geral.

Além de campanhas publicitárias, vai e vem de contas e de profissionais, o Blog do Crespo continuará a abordar as mais diversas tendências de consumo de mídia e também tratará de forma despojada e bem humorada do comportamento das marcas no Brasil e no mundo.

É uma parceria que tende a trazer frutos valiosos para ambas as partes.

E claro, um orgulho enorme para um paulistano de nascimento, mas que adotou a Baixada Santista como cenário de crescimento, formação e começo do desenvolvimento profissional e que agora, anos mais tarde, procura retribuir tudo isso à essa querida região e aos seus jovens profissionais e estudantes.

 

Leia Mais
Opinião

O que custa dar um “Feliz Ano Novo”?

Em 2015, me hospedei em mais de duas dezenas de hotéis pelo

 

Brasil.

 

A maioria por trabalho, outros por lazer.

 

Em todos eles, no momento do check-in, eu colocava o mesmo

 

endereço de e-mail.

 

Nesse final de ano, apenas um desses hotéis tratou de me felicitar

 

por conta da chegada de 2016.

 

Obrigado Naoum Hotel, de Brasília.

 

Aí fico pensando: o que custa pra um hotel bem tratar e saber

 

interagir com teus clientes? Me parece algo tão simples, à

 

custo zero, mas que ajuda a fidelizar.

 

Será que não?

Leia Mais
1 2 3 45
Page 1 of 45