close
Opinião

A publicidade tem que entreter e não interromper!

Parece discurso batido, mas não é.

Todos os anos anucniantes do mundo todo investem fortunas e mais fortunas em publicidade com um único objetivo: interromper as pessoas.

O mercado publicitário é de mais ou menos meio trilhão de dólares. Ou seja, é muita gente querendo interromper o consumidor.

Acontece que o mundo mudou e o consumidor também. Ele não quer ser mais interrompido.

Como disse em nossa FanPage dias atrás, o consumidor quer ser entretido.

Chega de comerciais na hora mais legal do programa, do filme ou do nosso desenho.

Chega de a melhor parte do programa ficar para depois dos comerciais, que desta forma, tornam-se vilões!

Quem gosta de publicidade é publicitário. As pessoas gostam é de conteúdo.

Temos que mudar o discurso. O papel da publicidade passou a ser o de entreter as pessoas, contando boas histórias.

Se ela não for relevante, não tiver conteúdo, a pessoa simplesmente passa por cima.

Vejam esse filme da Nike em que mostrar a marca foi o "menos" importante. Notem como a história entretem o público, ou seja, você, eu!

Tags : blogblog do crespocannescomercialcrespoentretenimentofilipemediamídianikepropagandapublicidadepublicitáriotag
Filipe Crespo

The author Filipe Crespo

Publicitário formado e Mestre em Administração com ênfase em Finanças. Profissional de mídia certificado pelo Grupo de Mídia de São Paulo construiu carreira em agências como Ogilvy, Africa, Y&R, JWT, W/McCann e Lowe, atendendo clientes como: P&G, Unilever, BRFoods, LG, Bradesco e Mastercard. Atualmente é Sócio Diretor do Creativosbr e Consultor de Mídia do McDonalds no Brasil. É idealizador do Amigos do Mercado. É também professor de Planejamento de Mídia na FECAP, na FAAP e no MBA do Mackenzie.

Comentários no Facebook