close

Depois de anos sentados, o casal pensante que simboliza o logo da Kappa decidiu se levantar e traçar um ambicioso planejamento de marketing.

 

  

A marca irá inaugurar uma rede de lojas próprias e franquias com o objetivo de se tornar a terceira maior em material esportivo do país, atrás das líderes Nike e Adidas, e ultrapassar a casa dos R$ 150 milhões de faturamento em 2017 (projeto de R$ 38 milhões para 2013). Para isto, Eduardo Schmidt, diretor comercial da Kappa no Brasil, tem a pretensão de abrir 100 lojas, entre próprias e franquias, até o meio do ano de 2014.

A primeira unidade será inaugurada em Santo André, no próximo mês de junho; enquanto a primeira loja tem sua inauguração prevista para o mês de setembro em algum shopping da capital paulista. Em contrapartida, ainda nesse mês de maio, as lojas virtuais Centauro, Netshoes e Dafiti já começarão a vender mais produtos da marca.

A Kappa – que garantiu boa visibilidade vestindo o Vasco da Gama na conquista da Libertadores em 1998 – hoje estampa as camisas do São Bernardo, Santo André, Audax de São Paulo e o Audax fluminense, e suas operações estão nas mãos da SPR Indústria, empresa que gerencia as lojas oficiais de alguns grandes clubes do futebol brasileiro, além de possui contratos de licenciamento de produtos de jogadores como Ronaldinho Gaúcho e Luís Fabiano. 

Filipe Crespo

The author Filipe Crespo

Publicitário formado e Mestre em Administração com ênfase em Finanças. Profissional de mídia certificado pelo Grupo de Mídia de São Paulo construiu carreira em agências como Ogilvy, Africa, Y&R, JWT, W/McCann e Lowe, atendendo clientes como: P&G, Unilever, BRFoods, LG, Bradesco e Mastercard. Atualmente é Sócio Diretor do Creativosbr e Consultor de Mídia do McDonalds no Brasil. É idealizador do Amigos do Mercado. É também professor de Planejamento de Mídia na FECAP, na FAAP e no MBA do Mackenzie.

Comentários no Facebook