close
Conteúdo

Música e publicidade: conexão perfeita para o seu negócio

Fonte: Pixabay

A música está presente em quase todos os lugares que vamos, seja um vizinho que sempre deixa o som ligado, aquela música de fundo quando estamos estudando e até na publicidade, que com certeza não ficaria de fora.

Fazendo uma pesquisa no Google sobre ‘o que é música’, ele nos informa que é “uma combinação harmoniosa e expressiva de sons”, mas será só isso?

Quando assistimos a filmes ou séries a trilha sonora é quase obrigatória em todos eles, certo? Mas por que isso acontece?

A música tem a habilidade de alcançar pensamentos e sentimentos que, muitas vezes, não conseguimos explicar, então ouvimos, assimilamos seu conteúdo e criamos um sentimento com relação a ela. Por isso é tão comum vermos nas publicidades e propagandas o uso das músicas.

Assim, se você, que tem a sua empresa ou pequeno negócio quer investir nesse item para alcançar de forma eficiente o seu público, darei algumas dicas e exemplos para você possa alcançar o seu objetivo. Vamos lá:

  • Entretenha o seu público.

Quando se está assistindo algo queremos ser entretidos por ele. Se o seu objetivo é impactar ou emocionar o seu público, não faz sentido colocar uma música animada. Você deve criar uma conexão com eles de forma simples, mas eficiente.

Um bom exemplo é o filme publicitário do Bradesco #VolteABrilhar que trouxe a música Heal the World do Michael Jackson. É uma canção simples, mas que traz uma mensagem de paz e tranquilidade para os seus ouvintes.

  • Pense antes, realize depois.

Quando vamos tirar uma foto, nós escolhemos a melhor roupa, maquiagem, posição da câmera, o local e depois tiramos a foto, não o contrário.

Com a sua publicidade não é diferente: Pense no gênero musical que melhor se encaixa no vídeo, qual o momento que as pessoas devem prestar mais atenção. Verifique se a letra combina com a ideia na qual sua marca quer passar e faça testes com outras músicas também – isso requer um maior investimento tanto financeiro quanto pessoal -.

Outro exemplo é o comercial do McDonald’s #DriveDoMéqui. A música utilizada se chama Esquema Preferido dos Barões da Pisadinha. Analise como a ideia do ‘esquema preferido’ se encaixa perfeitamente com a ação de comer um dos lanches do McDonald’s (dá até vontade de pedir um depois de assistir).

  • Conheça o seu público

Pode ser repetitivo, mas essa fase é a mais importante. Entenda os gostos do seu público. Eles conhecem esse gênero musical, estão acostumados com ele? Qual a profissão e idade dessas pessoas? Você irá selecionar apenas seus clientes ou um público geral?

Essa é uma área um pouco mais difícil de acesso porque as pessoas possuem gostos muito diferentes e, ainda bem, assim você pode testar cada vez mais.

A Billboard Hot 100, por exemplo, é uma tabela de quais músicas lançadas fazem sucesso na semana e, também, pode ser uma forma de entender qual o gosto do público em geral.

Assim, existem muitas músicas disponíveis no mundo e em diversas plataformas, analise as opções disponíveis, verifique se ela se encaixa com a sua marca e boa sorte!

Tags : billboardbradescomcdonaldsmúsicanegóciospublicidadepúblico
Quezia Lira

The author Quezia Lira

Estudante de Comunicação Social – Publicidade e Propaganda na FECAP – Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado, Quezia Lira é residente de Guarulhos, na Grande São Paulo, tem 19 anos e é apaixonada por livros, séries, músicas e viagens. Acredita que, além de tudo na vida ter um propósito, todos podem alcançar seus sonhos e que um dos maiores presentes da vida são os caminhos que percorremos.

Comentários no Facebook