close
Mídia

No Copan pode

O Copan, sem dúvida alguma é um dos mais tradicionais edifícios da cidade de São Paulo.

Eu tenho uma vontade maluca de conhecer lá dentro, mas nunca tive esta oportunidade.

Dizem que lá, tem de tudo: evangélico que mora ao lado de prostituta, que mora ao lado de chinês, que mora ao lado de advogado, que mora ao lado de ex-presidiário. (calma, nada contra chinês)

A reunião de condomínio lá deve ser um barato!!!

Mas bem… por que estamos falando do Copan?

O Copan é o assunto de hoje do Blog do Crespo porque ele será reformado. Só a reforma já daria um post bacana, mas ainda tem mais: será uma reforma diferente.

Calma, vou explicar!

Pela "primeira vez na história deste país" um edificio terá sua reforma patrocinada por empresas.

Mas que interesse as empresas teriam em patrocinar a reforma do Copan?

Ah… aí está a grande questão!

Na Lei Municipal n. 14.423/06, mais conhecida como Cidade Limpa, que entrou em vigor no município de São Paulo em 1. de Janeiro de 2007, existe uma cláusula que permite a publicidade externa na cidade desde que o anunciante contribua para melhorias urbanas, ambientais e paisagísticas.

Agora entenderam, né?

Acontece que essa cláusula não deixa bem claro os padrões que essa "publicidade externa" deve seguir e sendo assim, preparem-se: vem abuso por aí!!!

Só para se ter uma idéia, a dminitração do prédio diz já ter recebido proposta de patrocinadores, mas que não foram aceitas por conta de solicitações muito extensas na fachada do prédio.

Para concluir, a reforma está orçada entre R$ 35 e R$ 40 milhões de reais.

Essa cláusula me parece uma brecha para beneficiar uns e outros.

 

Tags : anuncianteblogblog do crespocopanempenafachadalei cidade limpamídiamídia exterioroutdoorpatrocínioprédioprefeiturapropagandapublicidadereformasão paulo
Filipe Crespo

The author Filipe Crespo

Publicitário formado e Mestre em Administração com ênfase em Finanças. Profissional de mídia certificado pelo Grupo de Mídia de São Paulo construiu carreira em agências como Ogilvy, Africa, Y&R, JWT, W/McCann e Lowe, atendendo clientes como: P&G, Unilever, BRFoods, LG, Bradesco e Mastercard. Atualmente é Sócio Diretor do Creativosbr e Consultor de Mídia do McDonalds no Brasil. É idealizador do Amigos do Mercado. É também professor de Planejamento de Mídia na FECAP, na FAAP e no MBA do Mackenzie.

Comentários no Facebook