close

concurso

Publicidade

APP Brasil e Paulista Viva lançam concurso universitário de logomarca

Fonte: divulgação

A ação, voltada para estudantes de publicidade e propaganda, tem o objetivo de criar uma logomarca para a utilização da Associação Paulista Viva.

 

A APP – Associação dos Profissionais de Propaganda, entidade que apoia e estimula as atividades da comunicação e auxilia no aperfeiçoamento do profissional, e a Associação Paulista Viva, movimento que visa melhorar a qualidade de vida da população que frequenta a avenida e suas redondezas, se uniram para lançar o Concurso Universitário Logomarca da Associação Paulista Viva, com o objetivo de criar uma nova identidade visual para divulgações da entidade. Os estudantes podem inscrever suas criações no site da APP, até dia 22 de novembro. O resultado será revelado pela banca avaliadora, após a apresentação dos finalistas, no dia 04 de dezembro.

A ação tem o objetivo de criar nova logomarca para a utilização da Associação Paulista Viva, em comemoração aos seus 25 anos de atuação. A peça vencedora irá ilustrar todo o seu material de divulgação e campanhas que serão realizadas no próximo ano. Além disso, o concurso faz parte das ações comemorativas dos 130 anos da Avenida Paulista, evidenciando ainda mais a nova identidade visual.

“A Associação Paulista Viva (APV) comemorará, no dia 10/12, 25 anos, por ser uma data icônica a diretoria da APV entendeu da oportunidade de renovar a sua logomarca para dar um brilho maior a esta celebração, significando novos tempos para a Associação Paulista Viva”, pontua, presidente da Associação Paulista Viva. “Trazer os jovens universitários para serem os protagonistas da criação da nova logomarca é, também, um marco significativo como uma atitude de pertencimento à nossa Cidade.”

O concurso é aberto às instituições de Ensino Superior que mantenham regularmente o curso de Publicidade e Propaganda e que possuam agências experimentais em seu campus. A responsabilidade da escolha do trabalho a ser enviado para o concurso será da Escola/Faculdade/Universidade.

As inscrições estão disponíveis no site da APP Brasil, até o dia 22 de novembro. O grupo ou o aluno deve preencher uma ficha com texto descrevendo o conceito criativo da logomarca. Cada proposta deverá ser apresentada em três diferentes aplicações: colorido, branco e preto e monocromático. Os arquivos deverão ser enviados em formato PDF e no formato vetorial aberto.

Os trabalhos serão avaliados pelos seguintes critérios: originalidade, criatividade, clareza, estética, design, relação com o objetivo da entidade Paulista Viva. O trabalho identificado como cópia ou plágio estará sumariamente desclassificado. A nova logomarca terá que, obrigatoriamente, seguir as especificações de cores que compõem a identidade visual atual da Associação Paulista Viva.

Os estudantes/grupos selecionados apresentarão seus projetos para banca de profissionais convidados pela APP e pela Associação Paulista Viva, no dia 04 de dezembro, a partir das 9h, local a confirmar. Os grupos fora da cidade São Paulo poderão apresentar os trabalhos de forma remota e online.

“Juntar-se à Paulista Viva para a realização deste concurso é mais uma grande iniciativa da nossa entidade, possibilitando aos estudantes mostrar seus talentos ao mercado”, diz Silvio Soledade, presidente da APP Brasil. “Além de toda visibilidade que a nova logomarca trará, é uma grande oportunidade para aproximar o mundo acadêmico de experiências reais do mercado de trabalho”.

O grupo/aluno vencedor receberá o Troféu APP, certificado, menção honrosa no site da Paulista Viva, serão associados APP pelo período de um ano e ainda levam um notebook. Os demais finalistas receberão certificado de participação e a gratuidade de sócio APP por um ano.

Agenda do concurso

22/novembro – Prazo final/Inscrição pelo site
30/novembro – Divulgação dos trabalhos selecionados nos sites da APP e da APV
04/dezembro – Apresentação final para banca: Local a confirmar

Sobre a APP

Fundada em 29 de setembro de 1937 como Associação Paulista de Propaganda e rebatizada como Associação dos Profissionais de Propaganda em 1989. A APP Brasil ajuda a fazer da propaganda uma das atividades profissionais de maior expressividade em nosso país, oferecendo preciosas colaborações técnicas, profissionalizantes e de desenvolvimento ético da profissão.

Leia Mais
Entretenimento

Resultado da Promoção

Olá pessoal.

Antes de mais nada, um Feliz Dia do Mídia aos profissionais da área que por aqui passam diariamente.

Iremos também divulgar o vencedor da nossa promoção que dá ao ganhador, um exemplar do livro “A Propaganda Brasileira Depois de Washington Olivetto”, autografado pelo próprio Olivetto, assim como do autor João Renha.

Foram quase 70 frases recebidas pela equipe do Blog do Crespo que nesses últimos dias, analisou uma por uma e somente nesta tarde, é que chegou a um resultado.

O vencedor foi HERMENEGILDO RAFAEL MENIN, da cidade de Santos-SP.

Sua frase foi: “Eu mereço ganhar esse livro do Blog do Crespo porque meus óculos são iguais aos dele na capa, mas a história “só um pouquinho” diferente!”

Parabéns ao vencedor da promoção!

Nossa equipe entrará em contato com o ganhador imediatamente para acertar os detalhes da entrega do prêmio.

Agradecemos a todos que participaram da promoção do Blog do Crespo, informando que em breve faremos outras.

Um excelente final de semana a todos.

Leia Mais
Mídia

A Band “perdeu a mão” no CQC ou deve ter gente comendo cocô nos bastidores!

 

Leitores auxiliam na pauta do Blog do Crespo. E esse assunto foi levantado por alguns de nossos fãs semanas atrás!

"Baixaria pouca é bobagem".

Alguém já deve ter dito isso por aí, mas se ainda não disseram, ok, eu assino a frase.

Na TV aberta brasileira, baixaria sempre deu audiência. Bundas, brigas conjugais, jogar TV no chão, imagens de atropelamentos!

Tem gente que acha que tudo é válido para dar audiência. Tem gente que não!

A década de 90 foi só isso: baixaria! Principalmente aos Domignos!

E se é pra produzir conteúdo bizarro, fica a máxima, de que seja um "ruim bom". Mas "ruim bom" existe? O que é isso? Deixe-me explicar: ruim pra caral….! Faz um ruim direito, pow!

O povo gosta, ué. Triste, mas gosta!

Vamos voltar um pouco no tempo e lembrar do programa Pânico na TV, na RedeTV! As maluquices feitas pela produção com a Sabrina Sato e com o Bola rendiam bons índices no começo e por isso, se espalharam para as demais paniquete, apresentadores e até convidados!

No tempo que esteve na emissora, o Pânico na TV! teve média de 9, 10 pontos! Suas reprises que ocorriam às Sextas, rendiam 5, 6 pontos. Ambas exibições estavam semanalmente no TOP5 de audiência da emissora!

Enquanto isso, ali ainda em 2009 ou 2010, a Band resolveu apostar em um conteúdo diferenciado e no quesito humor, apresentou um tal de CQC. Formato argentino, cria aquela dúvida e tal, mas por ter uma pegada mais "política", conseguiu passar a ideia de um humor mais refinado.

Qual outro programa da história recente da TV brasileria, deixou os políticos em tamanha cilada como este? O CQC definitivamente aposentou o Casseta e Planeta! Os repórteres sempre muito bem treinados e com aquela pitada de ironia, dialogavam e questionavam os políticos, e ali, de frente às câmeras mostravam suas deficiências, que nos envergonhavam! Sim, vergonha alheia!

O CQC foi nosso defensor dentro do Congresso Nacional, como até então nenhum político que lá trabalhava, parecia ser!

Não era um formato jornalístico inventado pelo CQC, ok. Michael Moore já fazia isso, ao menos uma década antes, nos E.U.A.

Mas vejam que engraçado: o CQC não mostrava bunda, não falava palavrão, não ridicularizava celebridade e desta foma, atingia uma média de 6, 7 pontos e audiência.

Mas eu sempre preferi CQC do que Pânico! Creio que muitos de vocês também!

Não é de se imaginar, que os próprios interantes do CQC não gostavam do humor do Pânico e tiveram que "engolir" à seco aquelas contratações todas! Alguém duvida disso?

Sabendo disso, a emissora foi buscar o Pânico na RedeTV! e o colocou na grade para manter o estilo "popularesco" que já era característica do programa e e de seus apresentadores.

Tanto é que manteve até parte do nome do programa, que passou a se chamar então "Pânico na Band".

Com dois programas de humor na casa, a Band poderia manter o CQC no estilo mais "elitizado" do humor às Segundas e o "programa tragédia' aos Domingos! Mas, ao meu ver, eles tinham outros planos maiores para os programas.

De duas, uma: A Band "perdeu a mão" ou deve ter gente comendo cocô nos bastidores! (E nem vou colocar aspas no comendo cocô)

E digo bastidores, porque em frente as câmeras, já tem gente comendo cocô de verdade faz tempo!

Com o passaporte carimbado do Corinthians ao Japão, no final do ano, o CQC resolveu criar um concurso chamado "Um Louco no Jãpão" ou algo assim, que promete levar um "louco corinthiano" ao Japão para assistir ao time, desde que faça uma loucura por isso! O tamanho da loucura será analisa e julgada!

A maior loucura será escolhida pelo programa em data pré definida. Meu Deus!

Nas últimas semanas, o programa tem exibido cenas pitorescas de gente fazendo coisas absurdas para tentar provar que é o mais maluco dentre todos os outros corinthianos.

Vale tudo e já vi de tudo: torcedor entrando com a camisa do time na torcida do rival Palmeiras, tatuagem na cabeça com o logo da Band e dos apresentadores do CQC, marido ligando pra mulher e dizendo que à estava traindo (forjando), gente rolando propositalmante, gente tomando água do Rio Tietê, gente mudando nome no RG, raspando sobrancelha e algo muito pior já citado no título do post.

Até onde isso vai? O que tem a ver este quadro com o programa CQC? Tenho horror ao quadro em qualquer programa, mas se deseja mostrar o ruim, que seja no Pânico, programa muito mais "adaptado" à essa maluquice e "ruim de verdade"!

Qual é o bacana de ver essas pessoas fazendo essas coisas na TV? E pior, como tem idiota nesse nosso país!

Fico pasmo com o que tenho visto. O cara comeu merda! Não me contaram. Eu vi! Ele vai ser premiado por isso? Alguém tem orgulho disso?

Respeiro à Band, o Saad, o Fernando Mitre, o Bóris, o Boechat, o Joelmir, que está doente inclusive, e até o Tás! Mas duvido que eles não pensem, eplo menos em parte, como eu penso!

Desculpe, mas essa é minha opinião! E de outros que nos lêem diariamente. Conheço alguns integrantes do programa e do quadro de funcionários da emissora.

Encaminharei esse texto à eles. Duvido que respondam, mas como fui exposto à esse bizarro conteúdo, quero saber o que eles acham! Será mesmo que concordam?

Quero ver se darão aqui a opinão deles sobre o assunto! E que não me venham falar de liberdade de imprensa. Isso nada tem a ver com liberdade de imprensa.

Coloquem também a opinião de vocês!VVamos debater o assunto provocado pela emissora e não por nós!

Leia Mais
Mídia

Vem aí o XV Concurso Universitário de Mídia

Atenção estudantes de Publicidade e em especial, os que residem no Estado do Rio de Janeiro.

Vem aí o XV Concurso Universitário de Mídia, promovido pelo Grupo de Mídia do Rio de Janeiro.

O concurso é aberto à todos os estudantes de Publicidade, Propaganda e Marketing do Estado do Rio de Janeiro, que estejam do 4. período em diante e com previsão de conclusão do curso para a partir de Julho de 2013.

Serão oferecidas vagas de estágio nos departamentos de mídia das agências participantes do concurso, por um período de 3 meses.

Se você estiver dentro dos requisitos informados acima, corre lá!

As inscrições vão até o dia 06 de Abril.

Acho que pode ser uma oportundiade bacana para quem sempre sonhou em trabalhar com mídia em uma grande agência.

Parabéns ao Grupo de Mídia do Rio de Janeiro pela iniciativa, às agências participantes e também ao SBT por patrocinar o concurso.

Atitudes como esta, aproximam o mercado dos estudantes e vice versa. E mais: pode colocar um estudante trabalhando junto com um ídolo dele.

Bacana mesmo!

Boa Terça-Feira a todos.

Leia Mais