close

podcast

Mídia

Grupo de Mídia lança Mídia Dados 2021 com balanço dos impactos da pandemia na mídia brasileira

Avanço do digital, influenciadores e podcasts também ganham destaque na publicação online, que poderá ser acessada, gratuitamente, a partir do dia 13 de setembro

São Paulo, setembro de 2021.  Na era do Big Data é impossível empreender sem dados. Esse é o propósito do Mídia Dados Brasil 2021, um panorama completo desse segmento no mercado brasileiro. A publicação, que poderá ser acessada a partir de 13 de setembro pelo site , consolida as melhores informações sobre todos os canais de contado de mídia no País, e avança na coleta do universo digital, uma ferramenta essencial para os profissionais desse setor, os quais há décadas são apoiados pelo meticuloso trabalho do Grupo de Mídia São Paulo.

Quem sintetiza a relevância desse levantamento, que se aprimora a cada edição, é a presidente do Grupo, a publicitária Lica Bueno: “Aprender a pilotar com o avião no ar está na razão de ser do Grupo de Mídia São Paulo”. Segundo a executiva, a instituição segue em constante reinvenção e aprendizado. “Os desafios mais urgentes são, no momento, operar em real time e ampliar o entendimento da era digital pautada em dados. Todos precisamos ser híbridos e ainda mais ágeis. O mercado demanda dos profissionais de mídia, em especial os que detêm experiência em planejamento estratégico, aperfeiçoamento em relação aos canais digitais, à mídia programática, à BI e gestão de redes sociais”, acentua.

O Mídia Dados Brasil 2021.  A consolidação do meio digital, com movimentação crescente do segmento de streaming de vídeo, a expansão do e-commerce, com novos sites e marketplaces, e a maior relevância de Influenciadores e podcasts para as marcas estão entre os principais aprendizados do estudo. À frente da equipe responsável pelo extenso relatório e conselheira do Grupo de Midia, Luciana Schwartz também ressalta a importância do empenho coletivo na concretização do anuário, em especial a partir do momento único experimentado por todos diante da pandemia que se instalou no planeta.

“Sob os impactos da Covid-19, a publicidade brasileira reagiu rápido, buscando se adaptar a um cenário até então inimaginável”, ressalta Luciana, que acrescenta “Nas agências, todos os segmentos se desdobraram, em especial a Mídia, tateando no escuro em busca de soluções que mantivessem a proximidade entre as marcas e seus consumidores numa fase de estresse máximo. O Mídia Dados 2021 reflete em suas páginas parte dos esforços nesta direção”.

Entre os dados compilados pela publicação estão pesquisas e estudos de empresas renomadas como Kantar Ibope, ComScore, Nielsen, Jovedata, IPC Marketing, IVC e YOUPIX.

Alguns dos aprendizados do Midia Dados 2021:

*O investimento publicitário, ao longo de 2020, caiu 19%, segundo o CENP-Meios, e 9% segundo o Kantar Ibope Media. Mas já há claros indicadores de recuperação;

*Na TV Aberta e TV por Assinatura, telejornais, programação de entretenimento – com destaque para reality shows como Big Brother (Globo) e A Fazenda (Record), a transmissão de eventos ao vivo, como os esportivos e de entretenimento (Grammy Awards, Oscar, Prêmio Multishow e MTV Miaw Awards) e lives multiplaforma, em parceria com músicos e bandas   – ganharam audiência. Combinada aos veículos digitais, a tevê atingiu numerosos recordes, com elevados níveis de engajamento.

*Tendência observada anteriormente, o consumo dos meios de comunicação favoreceu a Mídia Digital, principalmente se considerarmos que boa parte dos veículos nativos analógicos também se fortaleceu no ecossistema digital, em múltiplos formatos. Com isso, o meio teve crescimento expressivo de audiência e atração de verbas publicitárias, reforçando o papel de protagonismo nos últimos anos. O share da mídia digital passou de 21,2% para 26,7% segundo o CENP-Meios;

* Lives tornaram-se um acontecimento nos primeiros meses das restrições sociais. As empresas anunciantes tiraram proveito do formato, pouco explorado até então, associando suas marcas e produtos à artistas engajados na mobilização por doações para entidades e ONGs.

* O crescimento do consumo de Video on Demand (VOD)/Série também se refletiu nas redes sociais, sendo que Netflix ocupa 18 posições entre os Top 20 mais falados no Twitter.  Perdidos em Floripa (Amazon) ficou em 5º lugar e As Five (Globoplay), na 17º colocação.

* No segmento Entretenimento, o Youtube, Uol Splash, Netflix, Globo e Terra ocupam as cinco primeiras posições do ranking.  Já, na categoria redes sociais, as Top 5, em número de visitantes únicos são: Facebook, Instagram, Pinterest, Bytedance (Tik Tok) e Twitter. Durante a pandemia, também observamos um crescimento expressivo do uso de aplicativos. No ranking dos 30 mais acessados, estão apps de entretenimento e notícias como Facebook, Uol, Globo e  Twitter,  de e-commerce (Mercado Livre, Magazine Luiza e OLX) e  de serviços financeiros (caixa.gov.br, Nubank), entre outros.

* Destaque também para os influenciadores. Muitos deles construíram canais importantes de comunicação com a população, sendo igualmente relevantes para a difusão de marcas e produtos de alguns dos maiores anunciantes do País, bem como de empresas recém-chegadas à publicidade. O Mídia Dados Brasil incorpora à sua edição informações sobre o uso deste novo e importante formato de comunicação;

* O meio OOH, que nessa edição do Mídia Dados passou a consolidar também os dados de mídia em elevadores e mobiliário urbano, apresentou uma redução expressiva de audiência, nos primeiros meses da pandemia, principalmente em regiões com forte presença de empresas e opções de lazer. Contudo, o meio foi rápido em reagir, acompanhando a volta das pessoas às ruas. (Fonte Google/rdbtec).

* O meio Rádio registrou sensível aumento de audiência em praticamente todos os grandes mercados brasileiros, consumido nas casas, carros e devices, pois praticamente todas as emissoras têm hoje seu sinal digital. Os formatos inovadores tornados possíveis pela internet caso dos Podcasts, que vem ganhando audiência e atraindo a atenção dos anunciantes (Fonte: Podpesquisa – BPOD).

*No cenário de valorização da informação de qualidade, os veículos de mídia impressa, Jornais e Revistas, brilharam graças à qualidade superior da sua curadoria e proatividade na apuração das notícias em meio em um ambiente envenenado pelas fake news. A audiência do meio teve crescimento em praticamente todos os grandes mercados consumidores. Iniciativas como a da formação do consórcio entre os veículos de comunicação em sua maioria impressos para consolidação dos dados da pandemia foram notáveis. No ranking de sites de notícias com maior repercussão no mobile, os 10 primeiros colocados são: Globo, Uol, Terra, R7, Metrópoles Sites, IG, Folha S.Paulo, UOL Tilt, Veja e Globo Tecnologia.

Leia Mais
Conteúdo

Importância do podcast na sua marca

O termo podcast tem o significado de um áudio gravado para divulgação nas plataformas digitais com a possiblidade de download para ouvir a qualquer momento. Foram criados para acompanhar a evolução da tecnologia e o novo comportamento da audiência. Segundo dados do IBOPE, cerca de 40% da população brasileira já ouviu podcast, equivalente a 50 milhões de pessoas, no entanto, mostra também o quanto ainda pode crescer; mas afinal, qual sua relação com o digital?

Existem quatro motivos que mostram o uso de podcast e a expansão da sua marca e/ou empresa podem andar juntos: praticidade, assertividade do público-alvo, confiança e, por último, visibilidade.

Não é novidade que os usuários busquem maior facilidade e praticidade nas redes, e os podcasts fazem o uso disso, podendo ser escutado enquanto outras atividades. A versatilidade é um de seus destaques, quanto mais fácil o conteúdo chegar à plataforma, maior a probabilidade de alcançar os consumidores, já que não vai demandar esforço da parte deles e, com isso, pode ser trabalhado junto da marca;

A assertividade do público-alvo é garantida já que cada podcast aborda um assunto específico para um público que já demonstra interesse no assunto, os produtos e serviços oferecidos em seus podcasts favoritos são considerados relevantes com este fato;

O ato de ouvir é bem mais íntimo e pessoal comparado à leitura, escutar uma pessoa com voz entusiasta promove mais emoção do que um anúncio numa rede social; outro aspecto que transparece confiança e lealdade dos ouvintes é que parte das pessoas antecipa o lançamento de cada parte dos seus áudios favoritos incentivando a volta deles; isso pode ser estendido para sua marca, onde verão os anfitriões como especialistas;

E por fim, tendo diferentes maneiras de encontrar o que se oferece garante que sua marca seja mais vista por todos, usar mais este canal é uma estratégia para aumentar um meio de relacionamento com o cliente, sua presença digital e expandir para o tráfego do site.

Leia Mais
Marketing

O sucesso do Spotify

Esta semana, o aplicativo de música Spotify provou que não foi preciso esperar os últimos meses do ano para entender seu comportamento musical do ano de 2021; na última quarta-feira, 2, a plataforma lançou a sessão “Only You” que releva seus gostos variados de estilos musicais e podcasts. Foi dito ao Estadão que o serviço fica disponível até 30 de junho.

Há alguns anos o Spotify faz o uso de estatísticas de consumo do usuário para gerar uma troca de experiência entre eles, não só ele como também as redes Facebook com suas retrospectivas, relatórios do Instagram; e o “Only You” veio para movimentar o serviço mostrando a flexibilidade dos seus estilos musicais e provando que cada um que consome no aplicativo é único.

Este sentimento de sentir-se único é o que gera uma mídia espontânea e com uma conexão real, sua estratégia foi utilizar o marketing de experiência. Utilizam as emoções dos usuários para conhecer, conquistar, engajá-lo e finalmente, fidelizá-lo, nos passa a sensação de identificação – com o Spotify não é diferente; ele começa a entender suas preferências e conforme for entendendo seu comportamento cria playlists feita para você, te conquista, gera uma troca e consequentemente, já estamos envolvidos com o aplicativo e interagindo, compartilhando sobre ele em outras redes.

A identificação se deu ainda mais com a divisão feita pela experiência que contou com:

Jantar dos sonhos: um mix personalizado com 3 artistas que convidaria para um jantar romântico;

Mapa Astral: fazendo um trocadilho com as músicas e quais representam o Sol, Lua e Ascendente do seu signo, artistas que não saem do repeat, músicas mais sentimentais e as últimas descobertas, respectivamente;

Horário do dia: uma análise dos sons e podcasts que você mais escuta em determinada hora do dia;

Dupla de artistas: os dois artistas mais ouvidos recentemente;

Sua viagem do tempo: o modo como você “viajou” musicalmente durante o período do ano;

Seu gênero/tema preferido: gêneros e podcasts baseado nos seus hábitos do streaming.

Este é o grande sucesso do Spotify, oferecimento de conteúdos e serviços personalizados, independentemente de uma conta free ou premium, a estratégia de marketing da plataforma é a entrega das preferências de cada usuário, tudo é gerado por experiência.

Leia Mais
Entretenimento

Para ouvir melhor: 4 dicas de podcasts + 1 segredo

O podcast é uma mídia utilizada para geração de conteúdo que vem crescendo exponencialmente desde sua criação, em 2004. Muito semelhante ao rádio – e por que não dizer uma extensão dessa categoria – os  podcasts são materiais entregues em formato de áudio disponibilizado por meio de uma plataforma de streaming, como Spotify, Google Podcast, Deezer, Apple Cast, entre outros. Um formato muito atrativo para aqueles que têm a rotina mais corrida ou que adora se aventurar no mundo dos áudios.

Sendo assim, o CreativosBR separou uma lista com 5 podcasts para ficar bem informado sobre o mundo da comunicação e, fechando a lista, um podcast super descontraído para finalizar o dia.  

  • Geração Negócio  – O “Geração Negócio”, criado pelo Grupo de Atendimento e Negócios (GAN) em parceria com o Grupo Jovem Pan, convida grandes líderes do mercado para debater os assuntos mais relevantes do momento.
  • FalAção – O FalAção, podcast desenvolvido pela Aberje (Associação Brasileira de Comunicação Empresarial), conversa com profissionais de destaque para debater os assuntos mais relevantes do universo da Comunicação Corporativa. 
  • Mídia e Marketing – produzido pela UOL, o Mídia e Marketing leva toda semana um convidado para conversar sobre carreira, publicidade e negócios. O grande Washington Olivetto, responsável por campanhas muito importantes da propaganda nacional, também bateu um papo com eles, além de muitos outros líderes do mercado.
  • PropCast – Um podcast do Propmark que aborda os principais assuntos do mercado da propaganda e do marketing. A lista de episódios é extensa, com os mais variados assuntos, como Youtube, Tik Tok, Super Bowl e muito mais.
  • PodTudo+ – E por último, mas não menos importante, as bicampeãs olímpicas, Fabi Claudino, Thaisa Daher e Sheilla Castro mergulharam neste formato para debater, de maneira descontraída, diversos assuntos: esporte, cultura, vida saudável, universo feminino e mais.

Todos os podcasts estão disponíveis no Spotify.

Agora é só escolher um – ou todos – e apertar o play!

Leia Mais
Publicidade

Washington Olivetto estreia em Podcast

W/Cast é o novo projeto que marca a presença de Washington Olivetto no digital e traz o que ele conta como ninguém: histórias

Na 1ª temporada de seu podcast, patrocinada pela Bradesco Seguros e produzida pela gestora de propriedade intelectual e produtora de conteúdos premium HUB Mídia, Washington relata em primeira mão ao ouvinte suas experiências de vida, desde o início da sua trajetória profissional, quando seu pneu furou, até histórias dos grandes prêmios que recebeu, passando pelas campanhas que deram muito errado, pelo encontro mal sucedido com a atriz Jennifer O’Neill, pela parceria profissional com Francesc Petit, etc.

São quase 50 anos de vivência na publicidade contados de uma forma única e inspiradora, com histórias que marcaram gerações e conquistaram o mundo.

A estreia está marcada para hoje (19) nas principais plataformas como Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Amazon Music e Google Podcasts.

O projeto conta com uma campanha de lançamento digital com a presença de Carlinhos Moreno, o Garoto Bombril, que foi dirigido de forma remota pelo diretor de filmes publicitários, Andrés Bukowinski, o mesmo que dirigiu Carlinhos em mais de 400 filmes. O comercial traz o garoto propaganda de 1001 utilidades falando sobre o publicitário que tem 1001 histórias pra contar.

Um ponto em comum marca o formato dos episódios, que começam sempre com o instrumental de uma canção simbólica para Olivetto que remete ao momento em que a história aconteceu e se repete no fechamento do episódio. Como no de homenagem às Mulheres na Publicidade onde temos, no início e no final, a canção ‘Mulher’, além de ‘Mulher Brasileira’ e ‘Pretty Woman’ que aparecem no decorrer da história.

Olivetto fez questão de que as canções fossem regravadas instrumentalmente.

Todas as canções, com sua versão exclusiva para o W/Cast, foram produzidas por professores da Intermezzo, em São Paulo, Escola de Música com mais de 60 anos de história e administrada por três gerações da mesma família.

Leia Mais
Entretenimento

Cinefilia & Companhia: Olhar afetivo e especializado marca novo podcast de cinema

Uma nova atração acaba de chegar às principais plataformas de áudio, e seu nome jádiz tudo: Cinefilia & Companhia.

A cada quinze dias, o trio de cinéfilos formado por Hugo Harris, Henrique Pires e Juliana Varella se encontrará virtualmente para conversar sobre filmes e explorar os mais variados elementos que os fizeram amar –ou nem tanto – cada obra.

Ao longo de uma hora e meia, em média, discutirão elenco, fotografia, roteiro, cenas específicas que encheram seus olhos, e trarão informações sobre o contexto de cada produção. Ao final dos episódios, ainda compartilharão dicas de filmes, livros e outros produtos culturais para garantir uma experiência mais completa.

Hugo Harris, fundador do projeto, é professor universitário de cinema e de jornalismo e um colecionador ferrenho de filmes raros; já Henrique Pires é cineasta e coordenador de pré-produção para pesquisa de entretenimento e publicidade numa das maiores produtoras do país; enquanto Juliana Varella é jornalista, crítica cultural e pesquisadora acadêmica na área de ficção científica. 

Essas três visões tão distintas se chocarão e se complementarão em conversas apaixonadas – e apaixonantes, que revelarão novos sentidos para o ouvinte, mas com um cuidado especial: quem ainda não assistiu ao filme da quinzena também poderá conferir o bate-papo com segurança, pois todos os spoilers estarão reservados para um momento especial, com aviso prévio.

Mais do que uma avaliação de qualidade dos filmes, o podcast tem o objetivo de criarum espaço de diálogo e admiração pelo cinema, onde diferentes opiniões e referências podem se encontrar e se respeitar – afinal, essa é uma arte que mexe com os sentimentos, e provoca cada indivíduo de um jeito muito particular.

O Cinefilia & Companhia vai ao ar a cada duas segundas-feiras no Spotify, Deezer, Amazon Music, Breaker, Google Podcast, Pocket Casts e Radio Public. Em breve, estará também em outras plataformas. Os fãs ainda poderão ter acesso a conteúdo exclusivo relacionado aos episódios e a curiosidades do cinema mundial pelo Instagram, @cinefiliaecompanhia.

Mais informações pelo email cinefilia.companhia@gmail.com.

Leia Mais
Entretenimento

PodTudo+: podcast das bicampeãs olímpicas de vôlei aborda o Perdão em novo episódio

Muito além do voleibol, as bicampeãs olímpicas da seleção brasileira Fabiana Claudino, Sheilla Castro e Thaisa Daher se juntaram à empresária Vanessa Alcici e criaram um podcast que aborda temas como a liderança feminina, além de outros assuntos que devem ser discutidos, como a diversidade, inclusão, preconceito e muito mais.

“Toda sexta-feira lançamos um episódio. O mais recente deles aborda o assunto ‘Perdão’, onde discutimos sobre os desafios dessa tão importante palavra e os sentimentos que nos rodeiam sobre ela. Uma verdadeira reflexão sobre o tema sob o ponto de vista de quatro diferentes pessoas.” – diz Thaisa Daher, bicampeã olímpica com a seleção brasileira.

O PodTudo+ já está em sua segunda temporada e também aborda outros temas como vida saudável, alimentação, nutrição, curiosidades das atletas e assuntos descontraídos como a vida delas fora das quadras entre outros temas que deixam o podcast mais divertido.

Você pode acompanhar os episódios todas as sextas-feiras através dos principais players como Spotify, Deezer, Google Podcasts e iTunes, e seguir o perfil do PodTudo+ no Instagram @podtudomais, ficando por dentro do conteúdo postado frequentemente pelas meninas do vôlei e pela equipe do PodTudo+.

Leia Mais
Entretenimento

PODTUDO+: bicampeãs olímpicas de vôlei estreiam segunda temporada de podcast

Após o sucesso da primeira temporada do podcast PodTudo+, as bicampeãs olímpicas de voleibol Sheilla Castro, Fabiana Claudino e Thaisa Daher se juntaram à empresária Vanessa Alcici e agora estreiam a segunda temporada do podcast nesta sexta-feira, 12, com o episódio Diversidade.

“A primeira temporada foi um sucesso, e com isso criamos a segunda temporada ainda mais engajadas em temas que tenham a ver com nosso propósito e que vão além das quadras”, diz Vanessa Alcici.

O PodTudo+ é um podcast que aborda assuntos sobre liderança feminina, cultura, esportes, alimentação saudável e muitos assuntos que vão além do vôlei. Aliás, assuntos do dia a dia como diversidade e inclusão, temas que abrem a segunda temporada, são bem recorrentes não apenas nessa temporada mas em toda a essência do PodTudo+: “Sobre inclusão é algo que muito se fala e pouco se faz”, enfatiza a bicampeã olímpica Fabiana Claudino.

Você pode acompanhar os episódios todas as sextas-feiras através dos principais players como Spotify, Deezer, Google Podcasts e iTunes, e seguir o perfil do PodTudo+ no Instagram @podtudomais, ficando por dentro do conteúdo postado frequentemente pelas meninas do vôlei e pela equipe do PodTudo+.

 

Leia Mais
Digital

6 Podcasts de marketing para te deixar por dentro do mercado

Na hora do exercício físico, das tarefas de casa, no trânsito e em diversas outras situações, o podcast entrou na nossa vida e chegou para ficar. É uma forma de consumir conteúdo bom e rápido, tornando a rotina mais produtiva. Como não amar?

Por isso, separei para vocês alguns podcasts de Marketing que trazem conteúdo incríveis.

Notícias do Marketing:

Apresentado por Estevão Soares e Vinicius Gambeta, o podcast traz programas diários com todas as novidades do marketing.

Mídia e Marketing – UOL

O podcast da UOL traz, semanalmente, um convidado do mercado para conversar sobre carreira, publicidade e negócios.

Código Aberto

Em cada episódio, o podcast traz um convidado relevante do mercado para uma conversa franca sobre o que os profissionais acham do futuro da mídia, tecnologia e comunicação.

BrainCast

Um clássico! Se você ainda não escutou, pare e escute! O podcast discute de maneira divertida a inovação, criatividade e tecnologia, baseando-se na comunicação.

Jogo de Damas

Que tal olhar o mercado de comunicação sob uma perspectiva feminina? É isso que esse podcast incrível traz. É para refletir e aprender muito.

 

Que tal aproveitar e conhecer nosso podcast?  CreativosbrCast tem conteúdos semanais para estreitar o laço de estudantes de comunicação e jovens profissionais dos grandes nomes do mercado.

 

Gostou da lista? Então, compartilha com seu colega e me ajuda a ganhar em número de views do mês!

Leia Mais
creativosbr TV

crespocast #02

Olá pessoal!

Segunda edição do crespocast fala sobre Propaganda Eleitoral.

Esperamos que gotem bastante! A opinião de nosso fãs é válida para melhorarmos sempre.

Cliquem na foto abaixo e ouçam esta edição do crespocast:

 

Leia Mais